Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2021

Nota Oficial - Extensão do Lockdown Noturno em Rio Preto

Postado em: 01-07-2021

Comunicação - Sinhores

Image

O Sinhores – Sindicato Patronal de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Rio Preto e Região repudia a extensão do Lockdown Noturno e entende que com esta ação a Prefeitura de Rio Preto está tirando a dignidade de mais de 900 empresas do setor gastronômico e de todos seus colaboradores que dependem do período noturno para garantir o direito fundamental de qualquer cidadão, o trabalho. “Qualquer pessoa que trabalha no ramo gastronômico sabe que o período noturno é responsável por mais de 80% do faturamento do setor. Proibir por tantos dias seguidos o funcionamento nesse horário é literalmente tirar o sustento de milhares de rio-pretenses que dependem desse trabalho. O que vai se observar daqui por diante é literalmente a criação de pessoas em situação crítica de sobrevivência. O quinto dia útil está aí e estimamos que mais de 75% das empresas simplesmente não conseguirão honrar suas folhas de pagamento integralmente”, afirma Paulo Silva, presidente da entidade, que toma por base os números na recente pesquisa realizada sobre os impactos do lockdown noturno no setor.

Paulo diz ainda que, durante reunião realizada com o Prefeito Edinho Araújo e seus secretários na última terça-feira, 29 de junho, a gravidade da situação do setor foi totalmente exposta e foi solicitado para que olhassem para o nosso setor com mais cuidado visando proteger a subsistência de tantas famílias que dele dependem. “Proibir pessoas de trabalhar para garantir o sustento de suas famílias é tão grave quanto se omitir a doença”.